quinta-feira, dezembro 09, 2010

A garota que não olhava pra trás.


Ela passou por grande parte do caminho cercada de gente, cercada de gargalhadas e de palavras, a maior parte do caminho estava sendo percorrida da melhor forma, era isso que ela achava até descobrir a deslealdade, as pessoas que com ela estavam uma a uma a abandonaram nas horas de luta, ninguém ligou pra saber se o cabelo dela tinha caído, aliás, acho que ninguém nem sabia do que se passava com ela e ela tentava fingir que não precisava de ninguém, ela poderia sofrer por dois milhões de motivos, mas ela sofria pelo mais justo deles, falta de amor, não que ninguém a amasse, não é isso, mas ela não amava ninguém e continuava seguindo e seguindo, nunca olhava pra trás, tinha medo de ver o passado, e ainda seguia mais e mais, corria, às vezes esbarrava em alguém mas não se desculpava e nem se voltava para os olhos dessa pessoa, ah, mas isso é culpa do medo, só o medo pode fazer as pessoas não terem coragem de amar, não terem fé, não conseguirem erguer e cabeça e olhar o passado.
Ela esperava que seguindo em frente encontraria no meio do caminho as pessoas certas, os amores certos, afinal ela não achava nenhuma das pessoas que havia encontrado importantes e achava que faltava algo, que não queria continuar daquele modo, queria que tudo se resolvesse e um príncipe a esperasse na saída do túnel para apresentá-la aos nobres de seu castelo, ela sonhava os sonhos errado, ou talvez ela não tivesse sonhos.
Ela não olhava pra trás, e ainda assim queria que tudo fosse perfeito, não tinha esperanças, não tinha tempo, ou julgava não tê-los e tudo isso não era mais culpa do medo, era culpa dela, era culpa do que ela se afligia, culpa do que ela queria dizer e não dizia, culpa das lágrimas que ela proibia de rolar, tudo isso era culpa dela não olhar para trás. 
#Continua.

5 comentários:

  1. Você olha pra trás?

    Muito bom texto nati.
    beijinho, Adri. :*

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Nada de "A menina que roubava livros" nem de "A menina que não sabia ler" nem muito menos de "A garota dos pés de vidro" bom memso é: "A garota que não olhava pra trás"

    Adorei o post Nathy!

    Ah! Faz propaganda do meu blog...

    ResponderExcluir
  4. EEEI, eu quero a minha biografia, é sério.
    amei teu post *-*

    Mii Galindo

    ResponderExcluir